Depois de vender Motorola, Google compra 5,94% da Lenovo

Gigante de busca teria comprado US$ 750 milhões em ações da empresa chinesa, para quem vendeu a Motorola na semana passada

São Paulo – Depois de vender a divisão de celulares da Motorola para a Lenovo, no último dia 29, o Google anunciou hoje a compra de 5,94% da empresa chinesa por 750 milhões de dólares.

A informação foi registrada nesta sexta-feira na Bolsa de Valores de Hong Kong. De acordo com o documento, o Google teria comprado hoje 618,3 milhões de ações por 1,213 dólar de Hong Kong cada.

O negócio foi fechado no mesmo dia que o gigante de busca vendeu oficialmente a Motorola Mobility para a fabricante chinesa por 2,9 bilhões de dólares. E responde, em parte, o motivo de a empresa ter vendido a Motorola por um quarto do preço dias antes.

O Google pagou 11,5 bilhões de dólares pela divisão de celulares da Motorola em 2011, com a intenção de ofertar seu próprio smartphone. Mas, ainda que o gigante de buscas tenha ficado com as patentes da marca de celulares, a Motorola não rendeu lucros ao Google.

Em 2013, a empresa de celulares teve prejuízo de 928 milhões de dólares, ante os 616 milhões perdidos em 2012.