Danone estaria estudando venda de participação na Yakult

As deliberações se encontram em uma etapa inicial e não foi tomada nenhuma decisão final, disseram fontes do setor

Londres e Paris – Danone, a maior fabricante de iogurtes do mundo, está considerando vender sua participação de 20 por cento na produtora japonesa de bebidas lácteas Yakult Honsha Co., segundo fontes do setor.

A Danone, com sede em Paris, manteve discussões internas sobre uma possível venda, disseram as fontes, que pediram anonimato porque os detalhes não são públicos.

As deliberações se encontram em uma etapa inicial e não foi tomada nenhuma decisão final, disseram. O valor de mercado da Yakult, com sede em Tóquio, é de cerca de 1,2 trilhão de ienes (US$ 10 bilhões), com o qual a participação valeria cerca de US$ 2 bilhões.

A venda colocaria um ponto final no acordo vigente há dez anos entre a empresa francesa e a Yakult, cujas bebidas lácteas pró-bióticas e fermentadas são similares a produtos da Danone.

A venda também poderia levantar fundos para potenciais aquisições, pois a empresa procura crescer após o anúncio de sua primeira queda anual de lucros em mais de uma década no ano passado.

O valor de qualquer negociação vai depender do que a Danone for fazer com o dinheiro, disse Jeff Stent, analista do Exane BNP Paribas.

“Juntamente com a atual especulação sobre o negócio da saúde, a Danone potencialmente monetizará muitos ativos”, disse Stent. Uma eventual venda de sua participação na Yakult “ajudará a alimentar a especulação de que eles adotarão uma atitude mais aquisitiva”, disse ele.

Mead Johnson

A diretoria da Danone discutiu possíveis alvos em uma reunião no mês passado, entre eles a fabricante americana de alimentos para bebês Mead Johnson Nutrition Co., avaliada em US$ 20,5 bilhões, disse uma fonte do setor.

As ações da Yakult subiram 26 por cento neste ano, batendo um recorde, e neste mês a empresa elevou sua meta de lucro líquido para o ano completo.

As ações da Danone ganharam 7,4 por cento no mesmo período, avaliando a empresa em 36 bilhões de euros (US$ 45 bilhões).

A fabricante do iogurte Activia e da água Evian antes tinha tentado aumentar sua participação na Yakult, mas a companhia japonesa se opôs a essa medida.

A Danone não reforçou sua participação na Yakult, apesar da renovação do acordo no ano passado, que removeu um limite para o tamanho de sua participação.

Representantes da Danone e da Yakult não quiseram comentar.

A Danone também está discutindo a venda da sua unidade de nutrição médica com potenciais compradores, entre eles a Fresenius SE e várias empresas de aquisições, disseram fontes do setor.