CSU aumenta a base de cartões e lucra mais

Empresa passou a processar transações com 2,4 milhões de novos cartões

A CSU Cardsystem, que processa transações com cartões e também atua em áreas como call centers, conseguiu adicionar o volume recorde de 2,4 milhões de cartões a sua base no terceiro trimestre. Com isso, o número de cartões cadastrados subiu para 23,2 milhões ao final de setembro.

Décio Burd, diretor de relações com investidores da empresa, disse que houve “um crescimento orgânico muito forte” no terceiro trimestre devido a acordos com grandes empresas fechados nos últimos meses e que já começam a apresentar resultados.

A empresa aumentou sua receita ao processar transações com cartões emitidos pelo Carrefour e pela Porto Seguro, entre outras empresas. O aumento no número de cartões flex – que funciona como private label dentro da loja emissora, mas pode ser utilizado também em outros estabelecimentos porque está ligado a uma bandeira como Visa ou Mastercard – também ajudou no resultado.

Burd também destacou os resultados financeiros da CSU. O Ebitda (lucro antes de impostos e amortizações) teve um crescimento de 27,6% e alcançou 21,3 milhões de reais. Já o lucro líquido alcançou 4,7 milhões de reais, uma alta de 360%. Às 16h20, as ações ordinárias da CSU CardSytem (CARD3) eram cotadas a 5,80 reais, em alta de 1,22%.