Credit Suisse diminui participação na Gafisa

Com a nova participação, o Credit Suisse deixa claro que não pretende alterar a composição do controle da incorporadora

São Paulo – O Credit Suisse Hedging-Griffo (CSHG) acaba de reduzir sua participação no capital social da Gafisa, informou a construtora por meio de um comunicado ao mercado. A participação do sócio agora será de 4,63% do total, o equivalente a 20.021.100 ações ordinárias de emissão da Companhia, e não mais de 5,3% como antes.

Com a nova participação, o Credit Suisse passa a não ter mais capital relevante na companhia e deixa claro que não pretende alterar a composição do controle da incorporadora, como já havia comentado por meio de comunicado na semana passada. Na época, os investidores também haviam dito que iriam a oportunidade e conveniência do exercício do direito de eleição de conselheiro fiscal ou de administração em separado.

Atualmente, a Gafisa passa por uma reestruturação de seus modelo de negócios, depois de sucessivos prejuízos, atrasos de entregas de obras e alto endividamento – a dívida líquida da Gafisa é 1,2 vez maior que o seu ebitda.