CPFL Renováveis tem prejuízo de R$ 71,78 mi no 2º trimestre

No acumulado do semestre, o prejuízo foi 24,5% menor, na mesma comparação, somando R$ 126,44 milhões

São Paulo – A CPFL Renováveis registrou um prejuízo líquido de R$ 71,780 milhões no segundo trimestre deste ano, o que corresponde a uma perda 16,4% maior que os R$ 61,68 milhões apurados no mesmo período do ano passado. No acumulado do semestre, o prejuízo foi 24,5% menor, na mesma comparação, somando R$ 126,44 milhões.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) avançou 5,7% no segundo trimestre, para R$ 222,99 milhões, mas a margem Ebitda recuou 4,5 pontos porcentuais e alcançou 54,1%.

Em seis meses, o Ebitda totalizou R$ 459,47 milhões, com alta de 21,3%, enquanto a margem recuou 0,6 ponto porcentual, para 58,7%.

A receita líquida da geradora de energia renovável pertencente ao grupo CPFL Energia ficou em R$ 412,07 milhões entre abril e junho, o que corresponde a um aumento de 14,4% frente o apurado nos mesmos meses do ano passado.

De janeiro a junho, a receita alcançou R$ 783 milhões, alta de 22,6%.

O resultado financeiro ficou negativo em R$ 128,031 milhões no segundo trimestre do ano, mesmo patamar anotado um ano antes. No semestre, o prejuízo financeiro líquido foi de R$ 256 milhões, queda de 1,9%.