CPFL prevê maior fôlego financeiro com chineses no controle

Chinesa State Grid teve sua entrada no bloco de controle da companhia recém-concluída

São Paulo – A CPFL Energia, maior elétrica privada do Brasil, ganhará fôlego financeiro e acesso a novas tecnologias após a recém-concluída entrada da chinesa State Grid no bloco de controle da companhia, disse à Reuters nesta segunda-feira o presidente da empresa brasileira, André Dorf.

Ele disse que a nota de crédito da CPFL poderá melhorar nas próximas captações devido à robustez financeira da State Grid e que com isso a empresa poderá avaliar diversas oportunidades de expansão ou aquisições.

Em distribuição de energia, o grupo vai focar em ativos próximos a suas operações atuais, enquanto em geração a preferência é por negócios nos quais a companhia possa deter papel de controle, e não minoritário, explicou Dorf.