CPFL Energia tem lucro líquido de R$ 363 mi no 4º tri

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da companhia totalizou 1,005 bilhão de reais no período

São Paulo – O lucro líquido da CPFL Energia caiu 22,8% no quarto trimestre de 2015 ante o mesmo período do ano anterior, para 363 milhões de reais, com queda das vendas na área de concessão das distribuidoras do grupo, divulgou a companhia nesta segunda-feira. 

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da elétrica totalizou 1,005 bilhão de reais no período, recuo de 25,1%ante o quarto trimestre de 2014.

A receita operacional líquida somou 4,5 bilhões de reais, uma queda anual de 8,7%. 

As vendas na área de concessão das distribuidoras caíram 5,3%, a 14.504 gigawatts-hora(GWh). 

Houve baixa de 4,1% no mercado cativo e queda de 8,5% na quantidade de energia vendida a clientes livres na área de atuação das distribuidoras do grupo, faturada por meio da Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição (TUSD).

As reduções foram resultado da queda da produção industrial, do menor volume de vendas do varejo e da redução da massa de renda real da população, disse a CPFL, em meio ao cenário econômico adverso.

A administração da empresa propôs a distribuição de 205 milhões de reais em dividendos aos detentores de ações ordinárias, ou 0,206868475 real por ação relativo ao ano de 2015.

A companhia também propôs a destinação de 393 milhões de reais para reserva estatutária, com o objetivo de reforço de capital de giro, “considerando o cenário econômico adverso e as incertezas quanto as projeções de mercado das distribuidoras”, em um cenário de redução da demanda por energia no país.