Copel investirá R$ 106 milhões na Termelétrica de Figueira

O projeto elevará a garantia física da usina de 10,3 MW médios para 17,4 MW médios de energia

São Paulo – A estatal paranaense Copel investirá R$ 106 milhões em um plano de modernização da Usina Termelétrica de Figueira, localizada em município de Figueira (PR).

O projeto elevará a garantia física da usina de 10,3 megawatts (MW) médios para 17,4 MW médios de energia. As obras se iniciam neste mês e devem estar concluídas em 2016.

O contrato de modernização da unidade foi assinado na quarta-feira, 01, pelo presidente da Copel Geração e Transmissão S.A., Sérgio Lamy, e a empresa Uni Systems do Brasil Ltda.

“A modernização permitirá ampliar a garantia física, gerando mais com a queima do mesmo volume de carvão consumido hoje, de 6,5 toneladas mensais”, destacou Lamy, em nota.

A usina, cujo início de operação ocorreu em 1963, ganhará novo circuito gerador. As duas caldeiras existentes serão substituídas, de forma a conferir maior rendimento à usina e garantir redução na emissão de gases e partículas resultantes da queima do carvão, informou a Copel. As estruturas civis também passarão por reforma.