Co-fundador do Twitter deixou cargo de CEO

Evan Williams será substituído pelo chefe de operações Dick Costolo

São Paulo – Um dos fundadores do Twitter, Evan Williams, decidiu deixar a posição de presidente-executivo do site e será substituído pelo chefe de operações do site, Dick Costolo. A partir de agora, Williams pretende focar completamente na estratégia de produto.

Em anúncio publicado no blog do Twitter, o co-fundador da rede de microblog ressaltou os avanços conquistados pelo site nos últimos dois anos, como o forte crescimento de usuários e posts diários, que passaram de 1,25 milhão para 90 milhões. Ele também falou das estratégias de patrocínio e receita do site, além do aumento de 20 para 300 funcionários da empresa.

“Construir coisas é minha paixão, e eu nunca estive mais empolgado ou otimista sobre o que eu quero construir”, disse Williams. “É por isso que eu decidi pedir a nosso COO, Dick Costolo, para se tornar o CEO do Twitter. A partir de hoje, eu estarei completamente focado na estratégia do produto.”

No texto, Williams não poupou elogios ao novo presidente-executivo e afirmou que trouxe Costolo para a empresa, há um ano, por ser um forte complemento ao seu trabalho. “Durante este ano no Twitter, ele tem sido um líder crítico na concepção e execução de nossos esforços de renovação, enquanto, ao mesmo tempo e efetivamente, faz os planos correrem a tempo no escritório”, disse.