Cielo quer liderar captura de pagamentos feitos por meio de e-commerce

Empresa adquiria realiza 57% dos pagamentos feitos no e-commerce americano

São Paulo – Com a aquisição da Merchant e-Solutions (MeS), plataforma tecnológica de meios de pagamento, pelo montante de 670 milhões de reais, no início deste mês, a Cielo pretende manter a rentabilidade, bem como a liderança no serviços de pagamento.

“Vamos poder concentrar boa parte de nossos esforços na oferta de soluções para pagamentos feitos por transações no comércio eletrônico, que exigem tecnologia e muita segurança”, afirmou Rômulo Dias, presidente da Cielo, durante a premiação de Melhores e Maiores da EXAME.

A empresa adquiria realiza 57% dos pagamentos feitos no e-commerce americano e transaciona um volume de 14 bilhões de dólares por ano, por meio do atendimento de 70.000 varejistas credenciados, de acordo com Dias.

Pelas maquininhas da Cielo espalhadas em varejistas de todo país passaram 14% de todas as transações de pagamento feitas com cartões de crédito e débito no país no ano passado – nada menos que 320 bilhões de reais. O volume foi 22% maior que o transacionado pela empresa em 2010 – e também foi maior que o da concorrente. Enquanto a Cielo faturou 4,1 bilhão de reais, em 2011, a Redecard fechou o ano com 2,9 bilhão de reais.

A rentabilidade entre as duas também foi bem diferente. Enquanto a da Cielo teve um retorno do investimento obtido no ano de 61%, a Redecard teve um retorno de 49,8%. Os resultados fizeram com que a companhia fosse eleita a melhor do setor de serviços por Melhores e Maiores de Exame 2012.