CEO da 3M deixa Conselho do governo Trump

Ele é o sétimo executivo a deixar o Conselho, após Trump ter demorado em condenar supremacistas brancos pela violência em Charlottesville

São Paulo – O executivo-chefe da 3M, Inge Thulin, divulgou nesta quarta-feira que está deixando o Conselho de Indústria do governo do presidente, Donald Trump. O anúncio o torna o sétimo executivo a deixar o Conselho, após Trump ter demorado em condenar supremacistas brancos pela violência em Charlottesville, Virgínia, no final de semana, e também um dia depois de o republicano ter voltado atrás e afirmado que havia culpa “dos dois lados”, entre extremistas e antifascistas, nos incidentes que ocorreram na cidade.

“Sustentabilidade, diversidade e inclusão são meus valores pessoais e também fundamentais da 3M. Após considerações cuidadosas, eu acredito que a iniciativa do Conselho de Manufatura não é mais efetiva para a 3M avançar nestes objetivos”, declarou Thulin em nota.

Mais informações em instantes.