Cemig reduz fatia na Light para 22,6% após oferta de ações

Oferta negociou 100 milhões de novas ações da Light e 33,33 milhões de papéis detidos pela Cemig na companhia

São Paulo — A estatal mineira Cemig reduziu sua participação na elétrica Light de quase 50% para 22,6%, após uma oferta pública de ações encerrada na véspera, segundo comunicados das empresas na noite de quarta-feira.

A oferta negociou 100 milhões de novas ações da Light e 33,33 milhões de papéis detidos pela Cemig na companhia, a 18,75 reais por ação, disse a Light ao destacar a liquidação da operação.

A Light disse ainda que o conselho de administração de sua subsidiária integral Light Serviços de Eletricidade convocou uma assembleia para deliberar sobre um aumento de capital de 1,83 bilhão de reais com recursos provenientes da oferta pública.

Veja também

A Cemig, em separado, afirmou que a venda de parte de suas ações na Light “se insere no contexto de execução do Programa de Desinvestimentos da Cemig, conforme amplamente divulgado”.

A estatal mineira, que opera em geração, transmissão, distribuição e comercialização de energia, tem buscado vender ativos para reduzir dívidas.

A Light é responsável pela distribuição de eletricidade na região metropolitana do Rio de Janeiro e possui ainda ativos de geração.