Cemig adia para 2019 plano de venda de fatia na Belo Monte

O negócio faz parte de um plano de vendas de ativos maior, de 6,564 bilhões de reais, voltado à redução de dívidas e anunciado em meados do ano passado

São Paulo – A elétrica mineira Cemig adiou para 2019 o plano de venda de sua fatia na hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, conforme apresentação publicada no site da companhia.

O negócio faz parte de um plano de vendas de ativos maior, de 6,564 bilhões de reais, voltado à redução de dívidas e anunciado em meados do ano passado.

Na mesma apresentação, a Cemig afirmou que retomou negociações com potencial comprador de participação da empresa na usina de Santo Antônio e que uma proposta pela fatia da Renova Energia na Brasil PCH não envolve previsão de desembolso.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s