Carrefour faz parceria com startup Zaitt para mercado 100% autônomo em SP

Parte dos planos de transformação digital da empresa, nova loja terá todo o processo de compra por meio de aplicativo

São Paulo – O Carrefour Brasil anunciou nesta segunda-feira, em parceria com a startup Zaitt, a inauguração na capital paulista de um mercado 100 por cento autônomo, no qual todo o processo de compra se dá por meio de um aplicativo.

A aliança faz parte dos planos de transformação digital do Carrefour Brasil e ocorre mais de quatro meses após a empresa anunciar a compra de 100 por cento da plataforma de conteúdo digital E-Mídia por valor não revelado.

“Assim como fazemos globalmente, iremos estreitar parcerias com empresas e startups que nos tragam novas tecnologias e competências para acelerar a nossa transformação digital e gerar escala para serviços e soluções realmente inovadores”, afirmou Paula Cardoso, presidente do Carrefour eBusiness Brasil.

O acordo com a Zaitt prevê que o Carrefour prestará suporte logístico e de abastecimento ao mercado autônomo localizado na capital paulista a partir de quinta-feira, respondendo por parte do sortimento de produtos.

A unidade, no bairro do Itaim, é a segunda aberta pela startup e conta com um sistema automático de identificação de produtos por meio de sinais de rádio.

“Com os produtos em mãos, para sair do mercado o cliente escolhe, assim como na entrada, entre o reconhecimento facial e a leitura do QR Code para se abrir a primeira porta. Quando essa porta se fecha, o cliente fica entre duas portas de vidro, momento no qual a radiofrequência entra em ação e identifica todos os itens presentes”, explicou a Zaitt em comunicado.

Com a leitura finalizada, o cliente confirma a compra em uma tela e o valor é debitado do cartão de crédito cadastrado.

Criada em abril de 2016 como aplicativo de entrega de bebidas e espaço para eventos e vendas, a Zaitt transformou-se em dezembro de 2017 no primeiro mercado 100 por cento autônomo da América Latina, com a compra guiada pelos próprios usuários.

(Por Gabriela Mello)