Caixa atrapalha metas da Gafisa em abril

Incorporadora previa a assinatura de até 1.200 contratos, mas só conseguiu concluir 900 por problema no sistema do banco

São Paulo – A Gafisa estimava ter a assinatura entre 1.100 e 1.200 contratos de financiamento feito pela Caixa Econômica Federal de seus clientes no mês passado, mas um problema no sistema do banco atrapalhou as metas da incorporadora e 900 pastas foram concluídas em abril.  

“Abril era um mês importante, mas ficamos 30% abaixo da nossa meta devido ao impacto na assinatura com a Caixa. Há um compromisso e um esforço do banco em recuperar o mais rápido possível esse atraso”, afirmou Duílio Calciolari, diretor-presidente da Gafisa, em teleconferência com analistas, nesta quarta-feira.

No primeiro trimestre do ano, foram assinados cerca de 2.900 contratos de financiamento junto ao banco. A Caixa é a maior provedora de crédito imobiliário no país, com aproximadamente 75% de participação nesse mercado.

Balanço

A Gafisa, nos três primeiros meses do ano, acumulou prejuízo líquido de  31,5 milhões de reais, montante 27,2% menor na comparação com as perdas da companhia registradas um ano antes. Já a receita líquida da companhia no primeiro trimestre deste ano cresceu 27%, totalizando 927,8 milhões de reais.

Para 2012, os lançamentos previstos estão  entre 2,7 bilhões de reais e 3,3 bilhões de reais. Desse montante, 50% serão empreendimentos da Gafisa, 40% AlphaVille e10% Tenda.  A incorporadora planeja  entregar entre 22.000 e 26.000 unidades neste ano.