Cade aprova central de crédito de grandes bancos com condições

A gestora de "inteligência de crédito" é uma parceria entre os bancos Bradesco, Banco do Brasil, Santander Brasil, Caixa Econômica Federal e Itaú Unibanco

Brasília – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira a proposta dos maiores bancos do país de criação de uma central de crédito, com informações negativas e positivas de clientes.

O órgão de defesa da concorrência aprovou a criação da central sob condições.

A gestora de “inteligência de crédito” é uma parceria entre os bancos Bradesco, Banco do Brasil, Santander Brasil, Caixa Econômica Federal e Itaú Unibanco.

A superintendência do Cade já havia recomendado em setembro a aprovação do bureau de crédito, mas com restrições, depois de ter declarado o assunto como complexo em julho e ter cobrado dos bancos propostas para redução de riscos à competição.