Cade aprova aquisição e Arezzo vai operar lojas da Vans no Brasil

Empresa vai adquirir ativos da VF do Brasil, todos relacionados ao negócio de distribuição de produtos da marca

A Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições o ato de concentração envolvendo a Arezzo Indústria e Comércio S.A. e a VF do Brasil Ltda. O despacho pela aprovação está publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 24.

Segundo o parecer do Cade, a operação consiste na aquisição, pela Arezzo, de ativos detidos pela VF do Brasil, dentre os quais estão o estoque, as ordens de venda, os ativos fixos, os contratos de locação e demais contratos, todos relacionados ao negócio de distribuição de produtos da marca Vans no Brasil.

De acordo com documento disponibilizado no sistema do Cade, “segundo as Partes, a celebração do Contrato representa excelente oportunidade de investimento para a expansão dos negócios da Arezzo, que passará a operar a rede de lojas Vans no Brasil. Ademais, informam que a Operação ainda marcará a entrada da Arezzo & Co. no segmento de vestuário e artigos esportivos. Já para a VF do Brasil, a Operação garantirá maior capilaridade na venda dos produtos de sua marca Vans”.

Empresas

A Arezzo integra o Grupo Arezzo & Co., que atua no setor de calçados, bolsas e acessórios femininos. O grupo opera atualmente no Brasil, nos Estados Unidos e na Itália, por meio de seis marcas: Arezzo, Schutz, Anacapri, Alexandre Birman, Fiever e Alme.

A VF do Brasil é sociedade integrante do Grupo VF que atua na produção, promoção e distribuição de vestuário, calçados e acessórios, com foco em um nicho específico de mercado relacionado a esportes.

O Grupo VF conta atualmente com um amplo portfólio de marcas de produtos de moda, entre elas: The North Face, Timberland, Dickies e Vans.