BVA entra com pedido de falência na Justiça de SP

Instituição financeira havia sofrido liquidação do Banco Central no ano passado, conforme antecipou a revista EXAME

São Paulo – O BVA entrou com pedido de falência junto ao Tribunal de Justiça de São Paulo. O pedido foi protocolado nesta quinta feira às 13h07 na 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais.

Segundo o próprio Tribunal de Justiça, a ação protocolada configura pedido de falência e precisa agora ser acatada por um juiz do órgão.

EXAME.com entrou em contato com Valter Viana de Carvalho, responsável pela liquidação do banco, que confirmou o pedido junto à Justiça por telefone.

Segundo ele, o Ministério Público deve examinar o processo agora antes de decretar de fato a falência e que não existe um prazo exato para isso acontecer.

O Banco Central já havia decretado em junho do ano passado a liquidação extrajudicial do BVA, que estava sob intervenção da autoridade monetária desde outubro de 2012. A informação da liquidação foi antecipada pela coluna Primeiro Lugar On-line, da revista  EXAME.

Desde que o processo foi aberto, o BC apurou indícios de crimes de fraudes contábeis, desvio de recursos, gestão temerária e elisão fiscal no banco BVA durante a gestão do presidente da instituição Ivo Lodo, entre os anos de 2007 e 2012.

O prejuízo total do BVA, na data da intervenção, era de 1,6 bilhão de reais. 

*Matéria atualizada às 17h20