BRF vende ativos na Tailândia e Europa por US$340 milhões

Operação com a Tyson International, destaca a BRF, faz parte do plano de reestruturação operacional e financeira da companhia

São Paulo – A BRF celebrou acordo com a Tyson International Holding Co. estabelecendo os termos e condições para a alienação de 100% das ações detidas pela BRF em unidades de processamento de alimentos e abate de aves localizadas na Europa e Tailândia. Segundo fato relevante divulgado na manhã desta quinta-feira, 7, a transação considerou um “enterprise value” das empresas de US$ 340 milhões.

De acordo com a companhia, a conclusão do negócio ainda aguarda a verificação de algumas condições precedentes, incluindo a aprovação pelas autoridades regulatórias.

A operação, destaca a BRF, faz parte do plano de reestruturação operacional e financeira da companhia pelo qual pretende arrecadar cerca de R$ 4,1 bilhões. Inicialmente, o grupo previa atingir R$ 5 bilhões com os desinvestimentos.

Com a venda, a companhia estima que a razão entre dívida líquida/Ebitda ajustado ficará em torno de 5 vezes no quarto trimestre de 2018, incluindo os efeitos pro forma de todas as vendas de ativos já anunciadas, e chegando a 3,65 vezes no quarto trimestre de 2019, “o que representa um adiamento de seis meses para o alcance das metas divulgadas em junho de 2018”, conclui a empresa.