Brasil terá grupo para discutir papel das ONGs

O diretor-geral da Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais (Abong), Jorge Eduardo Saavedra Durão, se reuniu nesta quarta-feira (10/9) com o presidente Lula. Segundo Durão, o presidente deverá oficializar a criação de um grupo de trabalho, ligado à Secretaria-Geral da Presidência, para discutir temas relacionados à atuação das ONGs no país.

Na pauta do encontro com Lula está a melhoria do Marco Legal — conjunto de leis que regem o terceiro setor. “Vamos discutir também o papel da ONGs na cooperação internacional entre os países”, afirmou Durão. A Abong foi criada em 1991 e reúne hoje 270 ONGs de todo o país. “O presidente já se reuniu com todos os setores e tinha que chegar também a nossa vez”, disse Durão.