Bradesco vai elevar capital em R$8 bi com bonificação de ações

O objetivo da operação é aumentar a liquidez das ações no mercado e adequar "adequação do saldo das reservas de lucros frente aos limites legais"

São Paulo – O Bradesco informou nesta sexta-feira que seu conselho de administração registrou proposta para elevar o capital do banco em 8 bilhões de reais com bonificação de ações na proporção de 2 novos papeis para cada 10 detidos pelos investidores.

O objetivo da operação é aumentar a liquidez das ações no mercado e adequar “adequação do saldo das reservas de lucros frente aos limites legais”.

O banco ainda vai manter distribuição de juros sobre capital próprio mensais em 0,017249826 real por ação ordinária e 0,018974809 por ação preferencial. “Dessa forma, o montante global pago mensalmente aos acionistas será incrementado em 20 por cento, após a inclusão das novas ações nas suas posições.”

O Bradesco informou que o custo das ações bonificadas será de 5,952506650 reais por ação.