Boeing registra a maior perda trimestral de sua história

Fabricante de aeronaves anunciou uma perda líquida de US $ 2,94 bilhões no segundo trimestre devido a problemas com seu avião 737 MAX

A fabricante de aeronaves Boeing anunciou nesta quarta-feira uma perda líquida de US $ 2,94 bilhões no segundo trimestre devido a problemas com seu avião 737 MAX, forçado a permanecer em terra por quatro meses após dois acidentes que deixaram 346 mortos.

Este é o maior prejuízo trimestral registrado pela gigante aeronáutica americana, que também anunciou um atraso no cronograma previsto para os primeiros voos de seu 777X, uma nova aeronave de longo percurso atualmente em desenvolvimento.