Boeing proporá ao Japão ações corretivas no Dreamliner

Essa será a primeira vez que a fabricante de aviões visitará o Escritório de Aviação Civil do Ministério e explicará que correções temporárias poderão ser implementadas

Tóquio – O ministério do Transporte do Japão disse que a Boeing se reunirá com reguladores em breve para explicar potenciais ações corretivas necessárias para colocar o 787 Dreamliner de volta em operação.

Essa será a primeira vez que a fabricante de aviões visitará o Escritório de Aviação Civil do Ministério e explicará que correções temporárias poderão ser implementadas, depois que dois incidentes com baterias provocaram a aterrissagem global do principal avião da empresa a partir de 16 de janeiro.

A data da visita ainda não foi finalizada, segundo o ministério. As informações são da Dow Jones.