BM&F Bovespa obtém liminar e julgamento no Carf é adiado

Processo trata do questionamento de critérios fiscais usados na fusão que deu origem à companhia, em 2008, para pagar menos impostos

Brasília – A Câmara Superior do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) teve de retirar de pauta o julgamento do caso envolvendo a BM&FBovespa, que estava previsto para ocorrer nesta quarta-feira, devido a liminar obtida pela operadora da bolsa na Justiça Federal.

O processo trata do questionamento de critérios fiscais usados na fusão que deu origem à companhia, em 2008, para pagar menos impostos. Por isso, a empresa foi multada em cerca de 1,1 bilhão de reais.

O Carf não informou nova data para o julgamento.