Black Friday americana bate US$ 6,2 bilhões em vendas

É um aumento de 23,6% em relação as vendas do ano passado

Nova York, 24 nov (EFE).- A tão esperada Black Friday deste ano terminou com US$ 6,2 bilhões em vendas nos Estados Unidos, quantia que superou os prognósticos de US$ 5,9 bilhões e que representa um crescimento de 23,6% em relação ao ano passado, segundo dados da Adobe Digital Insights.

Este é um dos fins-de-semana com mais ofertas nas lojas do país. Tudo começa com o Dia de Ação de Graças, na quinta-feira. Após a confraternização com a família e amigos, as pessoas passam a focar no que irão comprar.

Na continuação das compras em massa, na manhã de hoje já tinham sido registrados US$ 400 milhões em vendas, segundo Adobe, que analisa os dados de 80 dos 100 principais estabelecimentos do varejo dos EUA. O aumento das vendas a essa hora, em relação a 2017, já alcançava 24,3%.

Os aparelhos eletrônicos seguem liderando as vendas deste fim de semana, com os notebooks como o principal desejo dos consumidores nos EUA.

A próxima época de grandes vendas é na próxima segunda-feira, conhecida como Cyber Monday. A expectativa é que este seja o dia de maior despesa, com um gasto médio de US$ 170 por pessoa, segundo a empresa de consultoria Deloitte. Entre o Dia de Ação de Graças e a Cyber Monday, a estimativa é que o gasto por pessoa seja de US$ 420, em média. EFE