Bilionário dono da ASOS perde três filhos em atentados no Sri Lanka

Considerado a pessoa mais rica na Dinamarca, Anders Holch Povlsen, de 46 anos, herdou o grupo de moda Bestseller

Três dos quatro filhos do bilionário dinamarquês Anders Holch Povlsen, proprietário do grupo de moda Bestseller e acionista majoritário da marca ASOS, foram mortos nos ataques de domingo no Sri Lanka, anunciou um porta-voz da companhia.

“Pedimos que a privacidade da família seja respeitada e não faremos outros comentários”, declarou à AFP Jesper Stubkier, gerente de comunicações da Bestseller.

A identidade e a idade das vítimas não foram comunicadas.

Segundo a imprensa dinamarquesa, Anders Holch Povlsen, sua esposa Anne Holch Povlsen e seus quatro filhos estavam de férias no Sri Lanka.

Considerado a pessoa mais rica na Dinamarca, Anders Holch Povlsen, de 46 anos, herdou o grupo de moda Bestseller, criado em 1975 por seus pais, Merete e Troels Holch Povlsen.

O grupo, que possui cerca de 3.000 pontos de venda em 70 países, possui marcas como Vero Moda, Only e Jack & Jones.

Holch Povlsen também é acionista majoritário da marca britânica de moda online ASOS e faz parte do capital da Zalando, especialista alemã em vendas pela Internet.

No domingo, houve oito explosões em várias partes do Sri Lanka, que deixaram pelo menos 290 mortos e 500 feridos.

Nesta segunda-feira, o governo acusou o grupo islâmico local, o National Thowheeth Jama’ath (NTJ), de estar por trás dos ataques suicidas no domingo de Páscoa.