Banco chinês questiona recuperação judicial da Oi no Rio

Um dos principais credores da Oi, o China Development Bank pediu à Justiça que esclareça se a empresa vai apresentar só um plano ou uma versão para cada credor

São Paulo – Um dos principais credores da Oi, o China Development Bank (CDB) pediu à Justiça do Rio que esclareça se a tele vai apresentar um único e consolidado plano de recuperação judicial ou uma versão para cada uma das sete empresas do grupo que fazem parte do processo.

Na lista de credores apresentada pela empresa, o CDB aparece com crédito de R$ 2,41 bilhões. O maior banco credor da Oi é o Banco do Brasil (R$ 4,37 bilhões). Se for apresentado um plano para cada empresa, serão diferenciados os ativos e dívidas de cada uma delas.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.