Avianca encerra rotas e fecha bases operacionais

Companhia afirma que a readequação acontecerá durante o mês de abril e tem como objetivo ajustar sua operação e reduzir o tamanho de sua frota

São Paulo — A Avianca Brasil vai descontinuar algumas de suas rotas e encerrar as atividades de três bases operacionais – Galeão, no Rio de Janeiro, Petrolina (PE) e Belém.

Conforme a companhia, a readequação acontecerá progressivamente durante o mês de abril e tem como objetivo ajustar sua operação e reduzir o tamanho de sua frota, como parte do plano de Recuperação Judicial. O objetivo será operar 23 destinos, com 26 aeronaves.

“A Avianca Brasil informa que as 32 rotas remanescentes são estratégicas e continuam a ser operadas normalmente, com seus pousos e decolagens mantidos dentro do cronograma previsto”, afirmou a empresa em nota.