Avianca fará voos diários de São Paulo para Nova York

Voo inaugural será em dezembro deste ano; cidade é o terceiro destino internacional lançado pela companhia neste ano

São Paulo — A Avianca Brasil anunciou nesta terça-feira que começará a operar a rota São Paulo – Nova York. O voo inaugural será em dezembro deste ano, mas as passagens começarão a ser vendidas em agosto.

“Serão voos diários e noturnos”, disse Frederico Pereira, presidente da companhia aérea. “Para fazer a rota bem, precisa ser noturno, porque o componente de passageiros de negócios é maior”.

A nova rota será operada com aviões Airbus A330-200, com capacidade para 206 pessoas na classe econômica e outras 32 na executiva. 

Destinos

Nova York é o terceiro destino internacional lançado pela Avianca neste ano. Em agosto, a companhia aérea inaugurou uma rota para Santiago, no Chile. Em junho, foi a vez de Miami, nos Estados Unidos.

Até o começo de 2017, a única rota internacional da empresa era Bogotá, na Colômbia. O destino, segundo o presidente da Avianca, ganhará um novo reforço a partir de setembro, com voos partindo da cidade de Salvador, na Bahia.

O plano de inaugurar novos voos para fora do país começou a ser traçado em 2013, mas adiados pela crise econômica. “Queríamos lançar ainda em 2014, mas não tinha como em um cenário de crise e alta do dólar”, disse Pereira.

Agora, com o mercado de voos internacionais “reagindo melhor do que o esperado”, os planos saíram do papel.

Segundo dados mais recentes da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), o transporte aéreo no mercado internacional cresceu quase 12% em maio deste ano,  em comparação ao mesmo mês do ano passado , no oitavo período seguido de alta no indicador.

O mercado doméstico, por sua vez, “está um pouquinho melhor, mas ainda abaixo das expectativas”, na avaliação de Pereira.

De acordo com a Abear, a demanda por viagens dentro do país cresceu 2,55% em maio, também em comparação ao mesmo mês de 2016. A taxa, no entanto, caiu considerando os resultados de 5,9% e 3,2% de março e abril.