As 20 empresas que mais lucraram no 2° trimestre de 2019

A soma do lucro - e prejuízo - das 306 empresas abertas foi de 71,5 bilhões de reais, de acordo com levantamento da Economática

Mesmo com um cenário ainda desafiador para a economia, o lucro das empresas de capital aberto cresceu 73,4% no segundo trimestre do ano, em relação ao mesmo período do ano passado. A soma do lucro – e prejuízo – das 306 empresas abertas foi de 71,5 bilhões de reais, de acordo com levantamento da Economática.

Com lucros bilionários, os bancos estão as empresas que mais lucraram no segundo trimestre do ano. Entre No topo do ranking, estão Itaú Unibanco, Bradesco, Banco do Brasil e Santander. Das 306 empresas brasileiras de capital aberto, os 22 bancos obtiveram o maior lucro, apesar da maior concorrência com fintechs. Foram 22,73 bilhões de reais no período, 4,48 bilhões de reais a mais que no mesmo trimestre do ano passado, segundo a Economática.

Mesmo assim, a pressão da concorrência está chegando aos grandes bancos. Instituições estão fechando agências bancárias e enxugando o quadro de pessoal. O Itaú e o Banco do Brasil anunciaram planos de desligamento voluntário e fechamento de centenas de agências.

A empresa com o maior lucro do período, no entanto, foi a Petrobras, com ganhos recordes de 18,87 bilhões de reais no trimestre. A companhia recebeu 33,5 bilhões de reais por 90% da Transportadora Associada de Gás (TAG) em junho, impulsionando o resultado. O aumento das cotações internacionais do petróleo ante o primeiro trimestre e a valorização do dólar frente ao real também impactaram positivamente os resultados da companhia.

A companhia está vendendo divisões e negócios para focar nos ativos de maior retorno, como pré-sal.

O setor de petróleo e gás, com nove empresas na bolsa, foi o segundo no ranking de maiores lucros, com ganhos de 20,35 bilhões de reais no trimestre, contra 11 bilhões de reais no mesmo período do ano passado. 

Entre as surpresas positivas dos resultados, estão os frigoríficos, que se beneficiaram das maiores exportações com o surto de peste suína na China. As companhias aéreas também apresentaram números melhores depois de aumentarem os preços das passagens por conta da redução da capacidade Avianca Brasil, em recuperação judicial, segundo análise da XP.

Veja abaixo as 20 empresas que mais lucraram no segundo trimestre do ano e os setores com os maiores lucros e os resultados por setores, segundo levantamento da Economática.

 

Maiores lucros do segundo trimestre de 2019

Empresa Setor Lucro no 2o trimestre de 2019 em milhões de reais Lucro no 2o trimestre de 2018 em milhões de reais Variação
Petrobras Petróleo e Gás R$ 18.866,0 R$ 10.072,0 R$ 8.794,0
ltauUnibanco Bancos R$ 6.815,0 R$ 6.244,1 R$ 570,8
Bradesco Bancos R$ 6.042,0 R$ 4.527,8 R$ 1.514,3
Eletrobras Energia Elétrica R$ 5.565,0 R$ 2.819,6 R$ 2.745,1
Brasil Bancos R$ 4.207,0 R$ 3.135,0 R$ 1.072,3
Santander BR Bancos R$ 3.409,7 R$ 2.972,2 R$ 437,5
Ambev S/A Alimentos e Bebidas R$ 2.520,7 R$ 2.317,0 R$ 203,6
JBS Alimentos e Bebidas R$ 2.183,5 -R$ 911,0 R$ 3.094,5
Tim Part S/A Telecomunicações R$ 2.022,1 R$ 334,0 R$ 1.687,6
Sid Nacional (CSN) Siderurgia e Metalurgia R$ 1.745,0 R$ 1.160,0 R$ 584,6
Telef Brasil Telecomunicações R$ 1.419,5 R$ 3.166,0 -R$ 1.746,8
BBSeguridade Seguradora R$ 1.078,4 R$ 1.062,0 R$ 16,0
BTG Pactual Bancos R$ 971,6 R$ 622,0 R$ 349,0
Suzano S.A. Papel e Celulose R$ 700,5 -R$ 1.850,0 R$ 2.550,0
B3 Outros R$ 654,7 R$ 724,0 -R$ 69,7
CPFL Energia Energia Elétrica R$ 580,6 R$ 456,0 R$ 124,9
Neoenergia Energia Elétrica R$ 519,0 R$ 383,0 R$ 135,6
NordBrasil Bancos R$ 458,0 R$ 137,0 R$ 320,8
(CTEEP – Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista) Energia Elétrica R$ 458,0 R$ 245,0 R$ 213,5
Sabesp Água, esgoto e outros sistemas R$ 454,4 R$ 181,9 R$ 272,5

 

Resultados por setores

Quantidade de empresas Setor Lucro ou prejuízo em milhões de reais no 2o trimestre de 2019 Lucro ou prejuízo em milhões de reais no 2o trimestre de 2018 Variação
22 Bancos R$ 22.729,0 R$ 18.248,4 R$ 4.480,6
9 Petróleo e Gás R$ 20.351,7 R$ 11.076,7 R$ 9.275,0
37 Energia Elétrica R$ 9.576,3 R$ 6.345,0 R$ 3.231,3
12 Alimentos e Bebidas R$ 5.259,0 -R$ 1.290,8 R$ 6.549,7
17 Siderurgia e Metalurgia R$ 2.414,0 R$ 1.481,7 R$ 932,3
7 Seguradora e corretora de seguros R$ 2.164,7 R$ 1.847,8 R$ 316,9
5 Telecomunicações R$ 1.769,0 R$ 2.182,9 -R$ 413,9
43 Outros R$ 993,9 R$ 1.046,9 -R$ 53,1
5 Agua, esgoto e outros sistemas R$ 817,9 R$ 435,8 R$ 382,2
14 Transporte e Serviços R$ 804,1 -R$ 1.077,2 R$ 1.881,3
4 Papel e Celulose R$ 752,0 -R$ 2.802,1 R$ 3.554,1
10 Imobiliária R$ 717,1 R$ 26,8 R$ 690,3
8 Assistência médica e social R$ 642,4 R$ 518,9 R$ 123,5
18 Comércio R$ 605,7 R$ 1.394,3 -R$ 788,7
6 Software e Dados R$ 499,4 R$ 876,1 -R$ 376,6
5 Máquinas lndustriais R$ 420,3 R$ 387,5 R$ 32,8
5 Educacão R$ 378,4 R$ 773,8 -R$ 395,4
14 Veículos e peças R$ 333,2 -R$ 412,8 R$ 746,1
4 Locadora de automóveis R$ 313,3 R$ 229,1 R$ 84,3
4 Eletroeletrônicos R$ 170,5 -R$ 0,5 R$ 171,0
10 Química R$ 158,0 R$ 443,8 -R$ 285,9
17 Textil R$ 156,5 R$ 297,5 -R$ 141,1
4 Agro e Pesca R$ 44,9 -R$ 352,4 R$ 397,3
3 Minerais não metálicos R$ 4,8 R$ 78,1 -R$ 73,3
20 Construção -R$ 105,1 -R$ 792,9 R$ 687,8
3 Mineração -R$ 459,2 R$ 272,1 -R$ 731,3
306 Total Brasil R$ 71.512,0 R$ 41.234,7 R$ 30.277,4