Aporte da Petrobras em 2014 deve ser R$ 800 mi menor

Em relação aos investimentos que a petrolífera fará no exterior, a redução é de R$ 4 bilhões

Brasília – A ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, afirmou nesta quinta-feira, 29, que a previsão de investimentos da Petrobras no País para 2014 é R$ 800 milhões menor do que a de 2013.

“A redução refere-se à conclusão de empreendimentos que exigirão menos recursos”, afirmou. Em relação aos investimentos que a estatal fará no exterior, a redução é de R$ 4 bilhões. Passou de R$ 10,5 bilhões para R$ 6,5 bilhões. De acordo com Miriam, são desinvestimentos realizados no exterior, que “estão sendo feitos para alavancar investimentos aqui no País”.

Sobre despesas do governo, ela disse que poucos ministérios tiveram redução no Orçamento de 2014. “Alguns porque investimentos foram antecipados para 2013 e outros terão redução de custeio”, disse.

A Controladoria-Geral da União (CGU), os Ministérios das Comunicações, da Cultura, da Fazenda e do Meio Ambiente e Operações Oficiais de Crédito tiveram redução do orçamento previsto para 2014.

Todas são, segundo o Poder Executivo, relativas à redução do custeio administrativo. A diminuição do orçamento do Ministério do Esporte é explicada pela conclusão de projetos para a Copa.