America Movil anuncia compra da BCP por US$ 625 milhões

São Paulo, 29 de agosto (Portal EXAME) A operadora de telefonia celular mexicana America Movil, controladora da brasileira Claro (antiga Telecom Américas) anunciou hoje (29/8) a compra da operadora de celular paulistana BCP por 625 milhões de dólares, conforme divulgou a agência Reuters.

Antes controlada pela americana BellSouth e pela Verbier (dos irmãos Safra), a BCP acumulava dívida de 1,7 bilhão de dólares. Seu controle havia sido transferido recentemente para um grupo de investidores privados. O Grupo Claro reúne Tess, Claro Digital, Americel, Telecom Américas e BCP Nordeste. No Brasil, a America Movil já controla a Telecom Américas e a BCP Nordeste.

A BCP atende 1,7 milhão de clientes e é a segunda operadora de telefonia móvel da cidade de São Paulo. Com o negócio, esse contingente migra para a Claro, que então passa a ter 8,4 milhões de clientes. O reforço na carteira eleva a Claro para a posição de segunda maior operadora de telefonia móvel do país e primeira pelo critério de número de clientes por participação do acionista controlador no capital da companhia. Os mexicanos ganham poder de fogo diante da rival Vivo, associação entre os grupos Portugal Telecom e Telefônica que atende 17 milhões de clientes.

Para Carlos Henrique Moreira, presidente da Claro, a aquisição foi um passo importante. “Significa um avanço de 3 a 4 anos em nossa estratégia para São Paulo”, diz. “Vamos começar nossa atuação na região metropolitana com 1,7 milhões de clientes e contar com a experiência de uma grande empresa que já conhece o mercado e a concorrência.”

Segundo divulgou a Reuters, a empresa já teria fechado acordo para ter como sócia no negócio a Telemar, controladora da Oi (apontada pelos analistas como outra interessada na compra da BCP). A TIM (Telecom Italia Mobile), que também estava na disputa, teria abandonado as negociações, segundo um executivo que acompanha o processo de venda.