Amazon Studios muda estratégia em busca de filmes mais comerciais

Movimento reflete uma nova fase na estratégia de entretenimento do varejista online

São Francisco / Nova York – A Amazon.com, que nos últimos anos se destacou ao comprar filmes de arte no Sundance Film Festival, está indo para o prestigioso evento nesta semana com uma mudança de longo prazo: planeja deslocar recursos de filmes independentes para projetos mais comerciais, disseram à Reuters pessoas familiarizadas com o assunto .

O movimento reflete uma nova fase na estratégia de entretenimento do varejista online. Inicialmente, a Amazon buscava filmes de prestígio que poderiam ganhar prêmios, colocando-os no mapa de Hollywood e ajudando-os a atrair os melhores talentos.

Agora, a Amazon quer uma programação voltada para um público muito mais amplo, em linha com o seu objetivo comercial central: persuadir mais pessoas a se juntarem ao seu serviço de streaming de vídeo e ao clube de compras Prime.

A mudança na estratégia para filmes se assemelha à adotada para a operação de TV da Amazon Studios, que também está se movendo em direção a orçamentos maiores.

A Amazon espera passar para filmes com orçamentos na faixa de 50 milhões de dólares em detrimento de projetos independentes que custam cerca de 5 milhões de dólares, disse uma pessoa familiarizada com os planos sob condição de anonimato.

A Amazon não quis comentar.

A nova estratégia não significa que a Amazon está abandonando completamente os filmes independentes. Mas as fontes da indústria não tem certeza de quão ativa será a empresa no Sundance este ano. Não se acredita que a programação do festival tenha um destaque como “Manchester à Beira-Mar”, que a Amazon comprou no Sundance por 10 milhões de dólares e que ganhou dois Oscars.