Air France-KLM calcula impacto da greve em € 500 milhões

Greve de duas semanas de pilotos pode ter um impacto de 500 milhões de euros nas contas de 2014 da Air France-KLM

Paris – A greve de pilotos da Air France, que durou duas semanas em setembro, pode ter um impacto de 500 milhões de euros (630 milhões de dólares) nas contas de 2014 da Air France-KLM, anunciou o grupo.

A paralisação, a mais longa da história da empresa, motivada pelo desenvolvimento de uma filial “low-cost”, provocou em setembro uma queda de 15,9% do tráfego de passageiros e de 17,7% do tráfego de carga.

O impacto no resultado operacional do terceiro trimestre foi avaliado em entre 320 e 350 milhões de euros, mas o valor pode aumentar se a desconfiança provocada pela greve resultar na perda de clientes.

Para 2014, o grupo franco-holandês havia previsto um excedente bruto operacional de entre 2,2 e 2,3 bilhões de euros, uma previsão rebaixada agora para entre 1,7 e 1,8 bilhão.