Volkswagen traz “Kombi Elétrica” para o Brasil

Montadora apresentou o carro conceito elétrico inspirado na Kombi na Rio+20

São Paulo – Além de debater medidas sustentáveis para o futuro do planeta, a Rio+20 é uma ótima oportunidade para as montadoras mostrarem seus projetos “verdes”. A VW foi uma das empresas que resolveram pegar carona na Conferência das Nações Unidas e trouxe para cá a e-Bulli, carro-conceito elétrico inspirado na clássica Kombi.

Equipado com um motor elétrico de 85 kW alimentado por uma bateria de íon-lítio de 40kWh, a e-Bulli consegue rodar até 300 quilômetros sem necessidade de recarga. Segundo a VW, a perua vai de 0 a 100 km/h em 11,5 segundos e chega aos 140 km/h.

O design carismático é nitidamente inspirado na “Velha Senhora”, apelido carinhoso dado pelos fãs da Kombi no Brasil. Apesar dos faróis quadrados, não é difícil notar referências ao veículo utilitário, que é conhecido como Bulli na Alemanha. A pintura em dois tons e o vistoso emblema cromado da Volkswagen na dianteira remetem ao passado.

O interior leva seis pessoas e tem desenho futurista, oferecendo tecnologias com sistema de navegação por satélite (GPS), telefone, computador de bordo e até um iPad. O gadget da Apple pode ser acoplado no console em um suporte especialmente projetado para ele e serve para controlar diversas funções do veículo. Um seletor rotativo substitui a tradicional manopla do câmbio e o motor é ligado por meio de um botão.

Pena que ainda não há planos de produzir a e-Bulli em série. Por enquanto, ficamos com a veterana Kombi, lançada há mais de 50 anos e ainda um sucesso de vendas no mercado brasileiro.