Voo da EgyptAir desce no Uzbequistão por suspeita de bomba

Os passageiros e a tripulação foram retirados do avião, que foi levado para uma área segura e está sendo inspecionado por especialistas

Moscou – Um avião da companhia egípcia EgyptAir, que fazia o trajeto entre a cidade do Cairo, no Egito, e Pequim, na China, realizou nesta quarta-feira uma aterrissagem de emergência na cidade de Urgench, no Uzbequistão, devido à suspeita da presença de explosivos a bordo da aeronave.

O Airbus A-330, com 118 passageiros e 17 tripulantes, aterrissou em Urgench às 8h locais (0h de Brasília), após “receber informação sobre a possível presença de uma bomba a bordo”, diz um comunicado da Uzbequistão Airways, a companhia aérea do país centro-asiático.

Os passageiros e a tripulação foram retirados do avião, que foi levado para uma área segura e está sendo inspecionado por especialistas uzbeques, acrescentou a Uzbequistão Airways, que é proprietária de todos os aeroportos do país.

A notícia foi antecipada pelo jornal “Al Wasat”, do Bahrein, que informou, citando uma fonte da EgyptAir, que uma denúncia anônima alertou as autoridades egípcias sobre a presença da bomba no avião.

A cidade de Urgench fica na parte noroeste do Uzbequistão, na fronteira com o Turcomenistão, a cerca de 1.100 quilômetros da capital Tashkent.