Volta ao Irã ex-negociador nuclear próximo a Rohani

Ex-negociador nuclear iraniano retornou ao Irã depois de ter sido condenado em 2008 a dois anos de prisão condicional

Teerã – Um ex-negociador nuclear iraniano próximo ao presidente iraniano Hassan Rohani retornou ao Irã depois de ter sido condenado em 2008 a dois anos de prisão condicional por uma ação contra a “segurança nacional”, indicou a agência oficial Irna.

“Voltei ao Irã para ficar”, declarou segunda-feira à noite aos jornalistas Hossein Mousavian, que participou do funeral da mãe do ministro das Relações Exteriores, Mohammad Javad Zarif.

Mousavian, na mira do governo do presidente Mahmud Ahmadinejad, mudou-se há alguns anos nos Estados Unidos, onde concedia entrevistas em que apostava em um acordo entre o Irã e as grandes potências sobre o programa nuclear.

Em 2008, ele foi condenado a dois anos de prisão condicional e a cinco anos de perda de cargo público por ação contra a “segurança nacional”.

Mousavian foi porta-voz da equipe de negociadores nucleares liderados por Rohani entre 2003 e 2005.