Venezuela anuncia formação de joint venture com Samsung

País deverá se juntar com empresa sul-coreana para produzir componentes para o segmento de telecomunicações

Caracas – A Venezuela vai criar uma joint venture com a sul-coreana Samsung Eletronics para produzir componentes para o segmento de telecomunicações no país, informou a mídia estatal citando o ministro Ricardo Menendez.

O ministro disse à agência AVN que a fábrica vai ajudar a Venezuela a aumentar as exportações para o Mercosul, bloco no qual o governo do presidente Hugo Chávez ingressou neste ano.

A administração socialista de Chávez nacionalizou grande parte da economia venezuelana, mas suas enormes reservas de petróleo, população de 29 milhões de pessoas e localização geográfica no centro das Américas ainda atraem companhias estrangeiras.

Na semana passada, a Renault disse que poderia criar uma fábrica de montagem no país.