Vaticano reúne embaixadores em campanha contra ação na Síria

O Vaticano reuniu os embaixadores de todo o mundo na Santa Sé para explicar o repúdio do papa Francisco a qualquer tipo de intervenção armada na Síria

Cidade do Vaticano – O Vaticano reuniu nesta quinta-feira os embaixadores de todo o mundo na Santa Sé para explicar o repúdio do papa Francisco a qualquer tipo de intervenção armada na Síria.

A reunião, organizada pela secretaria de Estado (o governo do Vaticano), é mais um passo na campanha do papa Francisco contra a intervenção na Síria, uma ofensiva diplomática sem precedentes desde que, há 10 anos, o papa João Paulo II se opôs à guerra no Iraque iniciada pelo então presidente americano George W. Bush.

O Vaticano e papa estão atuando com todos os meios possíveis, incluindo as redes sociais, católicos e pessoas de fora da religião para uma jornada de jejum e oração contra a guerra no sábado em todo o mundo.

O pontífice presidirá no mesmo dia uma vigília de quatro horas na praça de São Pedro.