Um sobrevivente é encontrado após queda de avião militar

O jornal "El Watan" divulgou que o sobrevivente estava ferido e que foi tranferido imediatamente ao hospital de Constantina, a cidade mais próxima do acidente

Argel – Os serviços de Defesa Civil da Argélia informaram nesta terça-feira que uma pessoa sobreviveu ao acidente de um avião militar no leste do país que, até o momento, já tem 75 mortes confirmadas.

O jornal “El Watan” divulgou que o sobrevivente estava ferido e que foi tranferido imediatamente ao hospital de Constantina, a cidade mais próxima do acidente.

A Defesa Civil estima que cerca de cem pessoas morreram quando um Hércules C-130 caiu por causa do mau tempo em uma região montanhosa da província oriental argelina de Oum El Bouaghi.

Segundo o “Watan” entre os passageiros havia parentes de militares, entre eles crianças, o que o número de mortos já chegou a 128.

Já o jornal “El Jabar” fala de 123 e a rádio argelina de 99.

O Ministério da Defesa não deu números oficiais e se limitou a informar em comunicado que o mau tempo pode ser a principal causa do acidente do aparelho, que tinha saído da província de Tamanraset para Constantina, a principal cidade do nordeste argelino.

O responsável de comunicação da região militar do leste da Argélia, coronel Lahmani Buguern, disse à agência oficial argelina APS, que no Hércules viajavam 103 pessoas, 99 passageiros e quatro tripulantes.