UE pede que Irã reverta enriquecimento de urânio e mantenha acordo nuclear

o aumento da produção de urânio iraniano pode significar o retorno de todas as sanções da UE contra o país

Bruxelas – A União Europeia pediu nesta terça-feira que o Irã reverta a ampliação de capacidade de enriquecimento de urânio, que rompe um pacto de controle de armas nucleares acordado em 2015.

“Continuamos a pedir que o Irã não tome medidas adicionais que prejudiquem o acordo nuclear a fim de interromper e reverter todas as atividades que são inconsistentes com o JCPOA, incluindo a produção de urânio de baixo enriquecimento”, disse uma porta-voz da UE a repórteres, referindo-se ao acordo formal conhecido como Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês).

O Irã informou que vai ampliar seu enriquecimento de urânio em algumas horas além do limite estabelecido pelo acordo, uma medida que pode significar o retorno de todas as sanções econômicas ao Teerã.