UE diz que “não há espaço” para intervir sobre a Catalunha

Donald Tusk, presidente do Conselho Europeu, disse que não espera que os líderes da UE abordem o assunto em sua cúpula porque "as posições estão claras"

Bruxelas – O presidente do Conselho Europeu, o órgão que reúne os chefes de Estado e de governo dos Estados-membros para definir a agenda política da União Europeia, Donald Tusk, afirmou nesta quinta-feira que “não há espaço para uma intervenção” do bloco no debate sobre a situação na Catalunha, e que não espera que os líderes da UE abordem o assunto em sua cúpula porque “as posições estão claras”.

“Não há espaço para intervenções da UE aqui”, declarou Tusk em uma entrevista coletiva durante o Conselho Europeu que acontece entre hoje e amanhã em Bruxelas, na Bélgica, em que a situação na Catalunha não figura na agenda, apesar das referências que alguns líderes fizeram sobre o assunto fora da sessão.