Turquia resgata 21 imigrantes do Mar Egeu

Segundo a organização, 3.692 pessoas morreram afogadas tentando fazer a travessia

Istambul – A guarda costeira da Turquia resgatou 21 imigrantes no Mar Egeu, perto da cidade de Izmir. Outras 19 pessoas foram encontradas mortas, entre elas, seis crianças. A guarda costeira ainda está em busca de um desaparecido.

A embarcação em que os imigrantes estavam teria virado perto da cidade de Dikili, que fica na direção da ilha grega de Lesbos. As nacionalidades dos imigrantes não foi divulgada.

Em um incidente separado, a imprensa local reportou que guardas costeiros da Turquia encontraram dois suspeitos de tráfico de pessoas levando cerca de 45 sírios que iam da província de Mugla, no sudeste da Turquia, para a ilha de Symi, na Grécia.

No início dessa semana, a Organização Internacional de Imigração, baseada em Genebra, afirmou que mais de 1 milhão de pessoas entraram na Europa em busca de asilo, sendo que a maior parte desses imigrantes chegaram pelo mar.

Segundo a organização, 3.692 pessoas morreram afogadas tentando fazer a travessia.