Turquia diz ser “inaceitável” que EUA deem armas para curdos

Estados Unidos quer entregar armamento pesado para a guerrilha curda da Síria com o objetivo de intensificar a luta contra o Estado Islâmico

Istambul – O vice-primeiro ministro da Turquia, Nurettin Canikli, classificou nesta quarta-feira como “inaceitável” o plano dos Estados Unidos de entregar armamento pesado para a guerrilha curda da Síria, as Unidades de Defesa Popular (YPG), com o objetivo de intensificar a luta contra o Estado Islâmico.

“Que os Estados Unidos entreguem armas ao grupo YPG, que eles pelo menos assumam que ser uma organização terrorista, não podem mudar a realidade, isso não podemos aceitar”, disse Canikli em uma entrevista na televisão turca “A Haber”.

A Turquia considera o YPG um grupo terrorista por seus vínculos com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão, a guerrilha curda presente no país.