Turistas são liberados no Sinai

Um israelense e uma norueguesa haviam sido sequestrados na sexta-feira na península egípcia

Cairo – Dois turistas, um israelense e uma norueguesa, sequestrados na sexta-feira na península egípcia do Sinai, foram liberados, anunciou a agência oficial egípcia MENA.

Os dois turistas foram colocados em liberdade graças aos “esforços” das tribos de beduínos da região do norte do Sinai, segundo a agência, que citou os serviços de segurança da região.

As duas pessoas estão bem e foram liberadas no início da manhã pelos chefes das tribos, completou a agência, que não divulgou detalhes sobre as condições da libertação.

Seis homens armados interceptaram o automóvel dos dois turistas entre o balneário de Taba e Dahab. Os dois foram retirados do carro e levados pelos criminosos.