Tufão Noul deixa 2 mortos e 3.800 evacuados nas Filipinas

As vítimas são um filipino de 70 anos e seu filho de 45

Manila – Pelo menos duas pessoas morreram e 3.802 foram evacuadas depois das fortes chuvas e ventos que o tufão Noul descarregou sobre a região norte das Filipinas, aonde chegou no domingo, informaram fontes oficiais do país.

As vítimas são um filipino de 70 anos e seu filho de 45 que morreram eletrocutados quando subiram ao telhado de sua casa para consertar o serviço de eletricidade em Aparri, na província de Cagayan, segundo fontes da Polícia citadas pela emissora de TV “ABS-CBN”.

Um total de 3.802 pessoas ou 1.029 famílias foram evacuadas em Cagayan e na vizinha província de Isabela, por onde passou o tufão em seu caminho rumo a Taiwan, de acordo com o Conselho Nacional de Gestão e Redução do Risco de Desastre.

As autoridades acreditam que o número de mortos não será muito alto graças às medidas preventivas adotada desde sexta-feira passada, segundo o jornal local “Inquirer”.

O Noul chega hoje com ventos sustentados de 160 km/h à província de Batanes, ao norte da ilha de Luzon, e está previsto que deixe a área de ação das Filipinas na terça-feira de manhã.