Tucanos fazem jantar em SP a mil reais para arrecadar

No evento, o governador Alckimin defendeu que o partido representa a ética, enquanto o ex-governador Serra afirmou ser favorável a amplo leque de alianças nas eleições

São Paulo – Na tentativa de angariar recursos para o partido, o PSDB promoveu anteontem um jantar com empresários e sindicalistas em um bufê em Higienópolis, na zona oeste paulistana. O convite do encontro, no qual foi servido menu francês com caviar, salmão, couer de palmier (palmito) e dry martini, custava R$ 1 mil.

No jantar, do qual participaram os pré-candidatos tucanos à Prefeitura, o governador Geraldo Alckmin disse que o PSDB defendia a bandeira da ética. O ex-governador José Serra afirmou ser favorável a amplo leque de alianças na eleição de 2012.

Serra elogiou o encontro ao dizer que, mesmo custando “R$ 500”, estava mais cheio que em outros anos – havia cerca de 400 pessoas. Corrigido pelo público, disse, em tom de brincadeira, que não havia pago o convite, por isso não sabia o valor do jantar, organizado por Felipe Sigollo, tesoureiro do PSDB estadual. No dia 22, o PTB-SP também fará jantar a R$ 1 mil o convite.