Trump não irá à inauguração da embaixada dos EUA em Jerusalém

A delegação americana será formada pela Ivanka Trump e seu marido, Jared Kushner, e o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin

O presidente Donald Trump não viajará para Israel na próxima semana para a inauguração da nova embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém, informou nesta segunda-feira a Casa Branca, anunciando que o secretário de Estado adjunto, John Sullivan, vai liderar a delegação.

A filha de Trump Ivanka e seu marido Jared Kushner também farão parte da delegação presidencial, junto com o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin.

O presidente americano, que anunciou em dezembro a sua decisão de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel, rompendo com a prática de seus predecessores, havia insinuado nos últimos dias que poderia viajar para a Cidade Santa.

Esta mudança altamente polêmica está programada para 14 de maio, coincidindo com o 70º aniversário da criação do Estado de Israel.

*Mais informações em instantes