EUA continuará “parceiro firme” da Arábia Saudita, diz Trump

Presidente fez a declaração mesmo dizendo que o príncipe saudita pudesse ter conhecimento do assassinato do jornalista Jamal Khashoggi

Washington – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta terça-feira que os Estados Unidos pretendem permanecer como “parceiros firmes” da Arábia Saudita, embora “possa muito bem ser” que o príncipe saudita Mohammed bin Salman tivesse conhecimento do assassinato do jornalista Jamal Khashoggi.

Trump, em um comunicado divulgado pela Casa Branca, indicou que não tinha intenção de cancelar contratos militares com Riad, dizendo que “se cancelarmos esses contratos, a Rússia e a China seriam os grandes beneficiários”.