Trump critica “delinquentes” que protestam contra ele

Os confrontos entre partidários e opositores de Trump em seus atos políticos têm se tornado frequentes

O virtual candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, criticou nesta sexta-feira os manifestantes, aos quais chamou de “delinquentes”, que provocaram incidentes na véspera próximo a um comício em San José, Califórnia.

“O comício de San José, ontem à noite, foi muito bom”, escreveu Trump no Twitter. “Importante afluência. Do lado de fora, um pequeno grupo de delinquentes queimou a bandeira americana!”.

Os confrontos entre partidários e opositores de Trump em seus atos políticos têm se tornado frequentes.

Na Califórnia, onde grande parte da população é de origem latina, as declarações anti-mexicanas do candidato republicano incentivam importantes manifestações, algumas violentas.

Neste estado da costa oeste dos Estados Unidos, que na próxima terça-feira celebra primárias (sem surpresas para os republicanos, visto que Trump é o único pré-candidato), seus comícios contam, sistematicamente, com uma presença policial maciça, devido à previsão de distúrbios.